quinta-feira, 24 de junho de 2010

Um dia sem Globo



Retirado do blog www.prosarepoesia.blogspot.com de Regina Abrahão:
Pois o Dunga não tem carisma. Não é um Muricy (técnico dos meus sonhos para o Inter), nem um Felipão, com sua disciplina, nem um Luxemburgo com seu quinhão de arrogância.
Dunga, até agora, era um gaúcho, ex-jogador do Internacional, vestido de um jeito meio esquisito.
De repente, esta pessoa morna manda a Globo se mancar! E vira meu herói, e de toda uma nação.
Espero mesmo que o Brasil ganhe a copa. Agora, espero ansiosa e ardentemente que o Brasil ganhe a copa, para ver o que acontecerá.
Imagino Fátima Bernardes, em cadeia nacional, anunciando a vitória do time sem os escolhidos globais, sem a exclusividade global e sem o beneplácio global.
E Dunga nem fez tanto. Só retribuiu, no ar, a um desaforo do repórter. O que quase vira caso de polícia.
Dunga ousou enfrentar o que só Brizola antes tentou.
Como bairrista que sou, direi que os dois gaúchos "peitaram" a poderosa Globo, e nem sei se Dunga tinha dimensão do que faria.
Portanto, em solidariedade a nosso técnico, torcerei pelo Brasil assistindo o jogo na Band.
Em Tempo: Quem sabe com esta a Globo não resolva torcer pela Argentina?
Enquanto isto, uma olhadinha no vídeo para reforçar nosso Dia Sem Globo:

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO